Melhores configurações e guia de parada de volatilidade

4.3 de 5 estrelas (3 votos)

Navegar nas águas traiçoeiras da volatilidade do mercado não é tarefa fácil; dominando o Parada de Volatilidade pode ser sua bússola. Revele a potência do Fórmula de parada de volatilidade e integrá-lo perfeitamente em seu TradingView estratégia, transformando a incerteza em uma vantagem tática.

PARADA DE VOLATILIDADE

💡 Principais conclusões

  1. Indicador de parada de volatilidade serve como uma ferramenta para determinar os níveis de stop-loss, contabilizando a volatilidade do mercado, garantindo tradeOs rs podem minimizar perdas e proteger os lucros ajustando-se às mudanças na dinâmica do mercado.
  2. Fórmula de parada de volatilidade normalmente incorpora o True Range ou Average True Range de um ativo, juntamente com um multiplicador para definir a distância do nível de stop em relação ao preço atual, acomodando diferentes estilos de negociação e tolerâncias ao risco.
  3. Utilizando o Parada de volatilidade no TradingView permite traders para traçar e ajustar visualmente as paradas de volatilidade nos gráficos, permitindo estratégias eficazes de gerenciamento de risco e tomada de decisões com base na análise de dados em tempo real.

No entanto, a magia está nos detalhes! Desvende as nuances importantes nas seções a seguir... Ou pule direto para o nosso Perguntas frequentes repletas de insights!

1. O que é o Indicador de Parada de Volatilidade?

Indicador de parada de volatilidade é um análise técnica ferramenta usada por traders para determinar parar a perda de níveis. Ele incorpora volatilidade para avaliar a posição ideal para um stop loss, em vez de usar uma distância ou porcentagem fixa de preço. Esta abordagem permite que o nível de stop-loss se adapte às mudanças nas condições do mercado, proporcionando um método dinâmico de proteção contra grandes perdas.

Calculando o alcance verdadeiro médio (ATR) de um ativo, o Indicador de Parada de Volatilidade estabelece um limite que leva em consideração o flutuações normais do mercado. Quando o preço de um título ultrapassa este limite, sinaliza uma possível mudança na tendência do mercado, levando o trader para sair da posição para evitar novas perdas.

Traders frequentemente use a volatilidade Stop Indicator em conjunto com outras estratégias para afinar seus risco de grupos. É particularmente útil em mercados que apresentam volatilidade significativa, pois permite traders ficar em trades durante pequenos movimentos de preços, ao mesmo tempo que protege contra reversões substanciais de tendências.

O indicador é plotado em gráficos de preços, normalmente como uma linha que segue os movimentos dos preços. Se o preço cruzar esta linha, ele aciona o stop, indicando que as condições de saída baseadas na volatilidade foram atendidas. Esta representação visual ajuda traders na tomada de decisões rápidas e informadas sobre manter ou fechar uma posição.

Indicador de parada de volatilidade

2. Como implementar a fórmula de parada de volatilidade no TradingView?

A implementação do indicador Volatility Stop no TradingView requer um conhecimento básico do Pine Script, a linguagem de script da plataforma. TradingView os usuários podem criar seu próprio indicador de parada de volatilidade personalizado ou usar um dos muitos scripts já disponíveis na biblioteca pública.

Para começar, navegue até o Editor Pinho seção do TradingView e crie um novo script. O núcleo da fórmula Volatility Stop gira em torno do Faixa verdadeira média (ATR), que é acessível através do integrado atr() função no Pine Script. Você precisará definir a duração do cálculo do ATR, que normalmente é definido como um 14 períodos como padrão. No entanto, traders podem ajustar isso para se adequar à sua estratégia de negociação individual.

//@version=4
study("Volatility Stop", shorttitle="VS", overlay=true)
length = input(14, minval=1, title="ATR Period")
multiplier = input(2, minval=1, title="ATR Multiplier")
atrValue = atr(length) * multiplier

Após calcular o ATR, crie a lógica Volatility Stop determinando onde colocar o stop em relação ao preço atual. Isso é feito subtraindo ou adicionando o valor ATR do preço de fechamento, dependendo se você está em uma posição comprada ou vendida.

longStop = close - atrValue
shortStop = close + atrValue

Trace os limites de volatilidade em seu gráfico usando o plot() função para visualizar os níveis em que seu stop-loss deve ser acionado. Personalize a cor e o estilo das linhas para diferenciar entre paradas longas e curtas.

plot(series=longStop, color=color.red, title="Long Stop")
plot(series=shortStop, color=color.green, title="Short Stop")

Certifique-se de que o script seja salvo e adicionado ao seu gráfico. As linhas Volatility Stop aparecerão agora, ajustando-se dinamicamente a cada novo período com base na volatilidade atual. Seguindo estas etapas, você pode integrar efetivamente o Indicador de parada de volatilidade em seus gráficos do TradingView, permitindo decisões mais informadas sobre colocações de stop-loss em mercados voláteis.

Código indicador de parada de volatilidade

2.1. Acessando o Stop de Volatilidade no TradingView

Acessando Indicadores de Parada de Volatilidade Pré-Construídos

Para acessar o Volatility Stop no TradingView, você pode aproveitar a extensa biblioteca de indicadores da plataforma. Dentro do indicadores guia, pesquise “Volatility Stop” para encontrar várias opções pré-construídas criadas pela comunidade. É crucial revisar o descrições dos indicadores e feedback do usuário para selecionar uma ferramenta que se alinhe com seus objetivos comerciais.

Personalizando o Indicador de Parada de Volatilidade

Para uma experiência mais personalizada, você pode personalizar os existentes Indicadores de parada de volatilidade. Depois de adicionado ao seu gráfico, clique no botão ícone de configurações para ajustar parâmetros como o período ATR ou multiplicador para corresponder à sua tolerância ao risco e estilo de negociação.

Dados e alertas em tempo real

Os dados em tempo real do TradingView garantem que o indicador Volatility Stop reflita as condições atuais do mercado. Para permanecer responsivo, configure alertas com base nas linhas Volatility Stop. Navegue até o Alertas e crie condições como “Crossing” ou “Crossing Down” para receber notificações quando o preço ultrapassar seus níveis de Volatility Stop.

Configuração do indicador de parada de volatilidade

Integração com outras ferramentas de análise técnica

Combine o Volatility Stop com outras ferramentas de análise técnica para uma estratégia de negociação abrangente. Sobreponha o indicador com médias móveisosciladoresou linhas de tendência para validar sinais e refinar pontos de entrada e saída.

Exemplo: Utilizando Parada de Volatilidade com um Média móvel

ferramenta Propósito Interação com Parada de Volatilidade
Média móvel Confirmação de tendência Confirme a direção da tendência quando o preço cruzar MA
RSI Condições de sobrecompra/sobrevenda Valide sinais de stop de volatilidade com divergência RSI
Fibonacci Níveis Identifique suporte/resistência Ajuste os níveis de stop em torno das principais linhas de Fibonacci

2.2. Personalizando parâmetros para seu estilo de negociação

Personalizando o período ATR

ajustar o Período ATR é fundamental para adaptar o Volatility Stop ao seu estilo de negociação. Um período ATR mais curto reage mais rapidamente às mudanças de preço, adequado para cambistas e dia traders que precisam responder rapidamente a Volatilidade do mercado. Por outro lado, um período de ATR mais longo suaviza a sensibilidade do indicador, alinhando-se com a abordagem de balanço traders or investidores de longo prazo que estão menos preocupados com flutuações de curto prazo.

Ajustando o multiplicador ATR

multiplicador ATR determina a distância do Stop de Volatilidade em relação ao preço atual. Um multiplicador mais elevado cria um buffer mais amplo, que pode evitar acionamentos de stop prematuros devido à volatilidade normal do mercado. Esta configuração é benéfica em mercados altamente voláteis ou para traders com maior apetite ao risco. Um multiplicador mais baixo aperta o stop, oferecendo maior proteção, mas correndo o risco de sair de uma posição demasiado cedo nos movimentos normais do mercado.

Incorporando tolerância ao risco pessoal

Cada tradeA tolerância ao risco de r é única, portanto, é essencial alinhar as configurações do Volatility Stop com o seu nível de conforto pessoal. Se você preferir um abordagem comercial conservadora, opte por um multiplicador de ATR mais alto e um período de ATR mais longo para fornecer mais espaço para o trade desenvolver. Diminua ambos os parâmetros para uma postura mais agressiva, para permitir um controle mais rígido e reações mais rápidas aos movimentos de preços.

Equilíbrio entre overtrading e custo de oportunidade

Existe um equilíbrio delicado entre evitar negociações excessivas e minimizar o custo de oportunidade. Stops demasiado apertados podem levar a saídas e reentradas frequentes, aumentando os custos de transação e potencialmente reduzindo os lucros. Por outro lado, stops muito soltos podem resultar em rebaixamentos maiores que o necessário. Personalize seus parâmetros de Volatility Stop para atingir um equilíbrio ideal, refletindo sua análise de trade frequência versus retenção potencial de lucros.

Integração com objetivos de negociação

Seus objetivos de negociação devem orientar a personalização do Indicador de Parada de Volatilidade. Quer o seu objetivo seja obter lucros rápidos ou participar em tendências maiores, adapte os parâmetros para apoiar esses objetivos. Para seguidores de tendências, uma parada mais flexível se alinha com o desejo de acompanhar as tendências, enquanto fuga traders pode preferir uma parada mais restrita para capitalizar os rápidos movimentos de preços.

Objetivo Período ATR Multiplicador ATR TradePerfil
Lucros Rápidos Baixo Baixo Scalper, Dia Trader
Aproveite as tendências longo Alta Balanço Trader, Investidor
Minimize o risco Varia Alta Conservador Trader
Maximize Ganhos Varia Baixo Agressivo Trader
Custos de equilíbrio Moderado Moderado Ativo consciente de custos Trader

2.3. Integrando o Stop de Volatilidade com Outros Indicadores

Integração com Bandas de Bollinger

Bollinger As bandas se expandem e contraem com a volatilidade, tornando-as um complemento natural ao Volatility Stop Indicator. Quando o preço atinge ou ultrapassa as bandas, muitas vezes indica condições de sobrecompra ou sobrevenda. Alinhar isso com um Stop de Volatilidade pode fornecer um confirmação dupla do sentimento do mercado. Por exemplo, uma quebra de preço abaixo do Bollinger Band inferior e desencadear simultaneamente um Stop de Volatilidade poderia fortalecer uma perspectiva de baixa.

Indicador função Interação com Parada de Volatilidade
Bandas de Bollinger Medir a volatilidade do mercado Reforce os sinais quando o preço ultrapassar as bandas

Indicador de parada de volatilidade com bandas de Bollinger

Sinergia com MACD

A Divergência de Convergência Média Móvel (MACD) serve como um oscilador de impulso e pode ser utilizado junto com o Volatility Stop para avaliar a força de um movimento de preço. Um sinal de parada de volatilidade coincidindo com um cruzamento MACD adiciona peso à validade de uma entrada ou saída potencial. TradeOs rs podem procurar cenários onde o Stop de Volatilidade é violado e a linha MACD cruza acima ou abaixo da linha de sinal para confirmar o impulso na direção do trade.

Indicador de parada de volatilidade com MACD

Combinando com Indicadores de Volume

O volume é a base da análise de mercado, fornecendo insights sobre a força por trás dos movimentos de preços. A integração de indicadores de volume como o On-Balance Volume (OBV) com o Volatility Stop pode destacar se um rompimento é apoiado por uma atividade comercial substancial. Um aumento significativo de volume juntamente com uma violação do Volatility Stop sugere um movimento forte, validando potencialmente a decisão de entrar ou sair de um trade.

Indicador função Interação com Parada de Volatilidade
OBV Rastreia alterações de volume Confirma a força de ruptura quando alinhado com os gatilhos de parada

Utilizando padrões gráficos

Os padrões gráficos, como triângulos ou cabeça e ombros, podem oferecer informações preditivas sobre movimentos futuros de preços. Quando o rompimento ou quebra projetado de um padrão gráfico se alinha com um sinal de Parada de Volatilidade, ele pode fornecer um maior convicção trade instalação. TradeOs rs podem usar a interseção dessas ferramentas para refinar seus pontos de entrada e saída, aproveitando a camada adicional de validação técnica.

Aprimorando com SAR Parabólico

O Parabolic Stop and Reverse (SAR) é outra ferramenta que considera preço e tempo, assim como o Volatility Stop. Quando ambos os indicadores sugerem um curso de ação semelhante, como um sinal de parada ou reversão, aumenta a confiança no tradedireção. O SAR Parabólica a inversão de posição dos pontos com o preço ao mesmo tempo que uma violação do Volatility Stop pode atuar como um poderoso sinal para agir.

Principais conclusões para integração de indicadores:

  • Validação cruzada: Use vários indicadores para validar os sinais de parada de volatilidade.
  • Confirmação de volume: Confirme a força do rompimento com indicadores de volume para sinais robustos.
  • Reconhecimento de Padrões: integre padrões gráficos para aprimorar os recursos preditivos.
  • Confluência de Sinais: Procure acordo entre Volatility Stop e outra tendência ou indicadores de momentum como SAR Parabólico para uma configuração de maior probabilidade.

3. Como usar o indicador Volatility Stop de forma eficaz?

Pontos de entrada e saída de tempo

O Indicador de Parada de Volatilidade é fundamental na identificação de pontos estratégicos de entrada e saída. Quando o preço de um título ultrapassa a linha Volatility Stop durante uma tendência de alta, pode sinalizar um ponto de entrada robusto para uma posição longa. Em contraste, um cruzamento abaixo da linha pode indicar uma tendência descendente iminente, sugerindo uma saída ou o início de uma posição curta.

6

Ajustando Stops e Mitigando Riscos

Para uma gestão ativa das posições abertas, a natureza dinâmica do indicador permite parar ajustes em tempo real. Traders podem mover ordens de stop-loss em linha com as linhas Volatility Stop para proteger os lucros como um trade progride. Isso garante que as paradas sejam baseadas nas condições atuais do mercado, não apenas nas condições iniciais. trade configuração, mitigando efetivamente o risco.

Consideração do contexto de mercado

Incorporar o Indicador de Parada de Volatilidade no contexto mais amplo do mercado para aumentar sua eficácia. Em mercados com tendências fortes, as paradas do indicador podem ser menos propensas a serem acionadas, permitindo traders para capitalizar movimentos sustentados. Por outro lado, em mercados variados ou instáveis, os stops podem ser atingidos com mais frequência, provocando uma mudança de estratégia no sentido de curto prazo. trades ou maior cautela.

Aplicação de prazo estratégico

A aplicação do Volatility Stop em diferentes intervalos de tempo pode atender a vários estilos de negociação. Utilize prazos mais curtos para resultados precisos e de curto prazo trade gestão e prazos mais longos para avaliar o panorama geral e ajustar as estratégias em conformidade.

Prazo Estilo de Negociação Aplicação de parada de volatilidade
Baixo Intraday Paradas mais apertadas para rápida trades
Médio Swing Trading Equilíbrio entre capacidade de resposta e tendência
longo Posicional Stops mais flexíveis para acomodar tendências maiores

Uso sinérgico com outros indicadores

Embora o indicador Volatility Stop forneça informações valiosas sobre stop loss, sua eficácia é ampliada quando usado sinergicamente com outros indicadores. Por exemplo, uma média móvel pode confirmar a direção da tendência geral, enquanto o Volatility Stop gerencia o risco. A utilização de indicadores adicionais para confirmação ajuda a filtrar o ruído e a melhorar a qualidade dos sinais fornecidos pelo Volatility Stop.

Resumo de uso eficaz:

  • Sinais de entrada/saída: Monitore os cruzamentos de preços com a linha Volatility Stop para obter informações oportunas trade execução.
  • Paradas Dinâmicas: Ajuste as ordens de stop-loss para se alinhar com as mudanças nos níveis do Stop de Volatilidade.
  • Contexto de Mercado: Adapte o uso do Volatility Stop ao ambiente de mercado predominante.
  • Adaptação de prazo: Aplique o indicador de acordo com o horizonte de negociação desejado.
  • Sinergia de Indicadores: Combine com outras ferramentas técnicas para uma estratégia abrangente de gestão de riscos.

3.1. Identificando pontos de entrada e saída

Usando o Stop de Volatilidade para Preciso Trade Execução

O Indicador de Parada de Volatilidade é excelente na identificação precisa pontos de entrada e saída dentro de uma estratégia de negociação. Quando o preço de um título ultrapassa a linha Volatility Stop para cima, muitas vezes sinaliza força e uma potencial oportunidade de compra, especialmente quando confirmado por outros indicadores. Por outro lado, uma queda de preço abaixo desta linha pode sugerir fraqueza, justificando potencialmente uma saída de uma posição longa ou o início de uma posição curta. trade.

Ajuste em tempo real para gerenciamento de riscos

Ajuste em tempo real dos níveis de stop-loss é uma aplicação crítica do Volatility Stop Indicator. À medida que o preço de um ativo se move, o indicador é recalibrado, fornecendo um limite móvel que pode ser usado para atualizar ordens de stop loss. Esta abordagem dinâmica alinha a gestão de risco com a atual volatilidade do mercado, mantendo a relevância para a última ação do preço do ativo.

Parada de volatilidade como filtro de tendência

Traders também pode empregar o Indicador de Parada de Volatilidade como um filtro de tendência. Uma linha de parada movendo-se consistentemente em uma direção pode indicar uma tendência forte, enquanto uma linha de parada sem direção ou oscilante pode sinalizar um mercado limitado. Esse insight ajuda traders no ajuste de suas táticas, potencialmente mudando de estratégias de tendência para métodos de negociação de faixa ou vice-versa.

Aplicação estratégica em vários prazos

A flexibilidade do indicador em vários prazos atende diversos estratégias de negociação. Curto prazo traders pode aplicar o Volatility Stop em gráficos de minuto ou horário para controle granular, enquanto os de longo prazo tradeOs rs poderiam utilizar prazos diários ou semanais para informar ajustes estratégicos mais amplos. Adaptar o período de tempo à abordagem de negociação garante que os pontos de entrada e saída reflitam o desejado trade duração e perfil de risco.

Prazo Propósito Aplicação
Baixo Links trade execução Paradas de volatilidade apertadas para resposta rápida
Médio Equilíbrio entre trade e tendência Paradas moderadas para swing trading
longo Capture movimentos extensos do mercado Stops mais flexíveis para acompanhamento de tendências de longo prazo

Melhorar Trade Confirmação com Sinais Convergentes

Os sinais do Volatility Stop Indicator ganham credibilidade quando convergem com outras ferramentas de análise técnica. Um preço cruzando a linha Volatility Stop acompanhado por um cruzamento de média móvel de alta ou uma divergência MACD de alta apresenta um caso convincente para entrada. Da mesma forma, um sinal de saída é reforçado se o preço cruzar abaixo da linha Volatility Stop, enquanto os osciladores técnicos indicam condições de sobrecompra.

Indicadores-chave para sinais convergentes:

  • Médias Móveis: Confirmando a direção da tendência
  • MACD: Indicando mudanças de impulso
  • RSI/Osciladores: Identificando possíveis reversões

Esta abordagem multifacetada, combinando o Volatility Stop com outros indicadores, aumenta a fiabilidade dos pontos de entrada e saída, conduzindo a um processo de negociação mais disciplinado e informado.

3.2. Ajustando às condições de mercado

Reconhecendo as fases do mercado

As condições do mercado oscilam entre tendências e faixas, impactando a eficácia do Volatility Stop Indicator. Em mercados de tendências, o indicador deve acomodar o movimento direcional, permitindo ganhos prolongados. Por outro lado, em variando mercados, as reversões frequentes de preços exigem paradas mais restritas para mitigar o risco de pequenas flutuações.

Adaptando-se aos níveis de volatilidade

Os níveis de volatilidade determinam as configurações ideais para o Volatility Stop. Alta volatilidade justifica uma abordagem mais branda, com períodos de ATR aumentados e multiplicadores para evitar interrupções devido ao ruído do mercado. Quando a volatilidade é baixo, configurações mais restritas podem proteger os lucros e reduzir a exposição a movimentos repentinos.

Reagindo às notícias e eventos do mercado

Anúncios económicos e eventos geopolíticos podem causar mudanças abruptas no mercado. Antes desses eventos, tradeOs RS podem optar por configurações mais conservadoras ou abster-se de iniciar novas posições. Após o evento, a análise do novo cenário de mercado é crucial para reajustar as configurações do Volatility Stop de forma adequada.

Sazonalidade e ajustes baseados no tempo

Certas épocas do ano, como o temporada de férias de fim de ano, muitas vezes exibem comportamentos comerciais distintos. O reconhecimento desses padrões permite ajustes preventivos nos parâmetros do Volatility Stop para se alinharem às tendências históricas.

Condição Ajuste de parada de volatilidade sugerido
Mercado de tendências Paradas mais flexíveis para capturar tendências
Mercado variado Paradas mais apertadas para reduzir serras
Alta volatilidade Multiplicador/período ATR aumentado
low Volatility Multiplicador/período ATR reduzido
Notícias pré-mercado Configurações conservadoras ou pausa
Notícias pós-mercado Reavalie e ajuste conforme necessário
Períodos Sazonais Alinhe-se com a volatilidade histórica

Incorporar estes ajustes com base nas condições de mercado é um processo dinâmico que exige atenção e flexibilidade contínuas. A capacidade de adaptar rapidamente as configurações do Volatility Stop pode ser a diferença entre a preservação de capital e perdas desnecessárias.

3.3. Gerenciando Riscos com o Stop de Volatilidade

Calibrando o Stop de Volatilidade para Controle de Risco Ideal

O Indicador Volatility Stop serve como mecanismo estratégico de defesa, sua calibração influenciando diretamente a exposição ao risco. Ao personalizar o Período ATR e multiplicador ATR, tradeOs rs podem definir o limite para o risco aceitável em um per-trade base. Esta personalização permite traders para definir limites que reflitam seu apetite individual pelo risco e o ritmo atual do mercado.

Gerenciamento proativo de riscos:

  • Ajuste proativo: À medida que as condições de mercado evoluem, o Volatility Stop deve ser recalibrado para manter um nível de risco apropriado.
  • Especificidade do ativo: Diferentes ativos podem exigir configurações exclusivas de Volatility Stop devido a diferenças de volatilidade inerentes.
  • Dimensionamento de posição: A integração do Stop de Volatilidade com estratégias de dimensionamento de posição garante que o risco em cada trade é mantido dentro de limites pré-determinados.

Aproveitando a parada de volatilidade para mitigação de riscos

natureza dinâmica do Volatility Stop permite uma abordagem flexível à gestão de risco. TradeOs rs podem aproveitar esta ferramenta para definir limites móveis que se ajustam à volatilidade do mercado, garantindo lucros e, ao mesmo tempo, protegendo-se contra reversões. Esta abordagem pode ser particularmente eficaz para garantir ganhos durante períodos prolongados de subida de preços ou para proteger contra quedas repentinas.

Técnica de Trailing Stop:

  • Proteção de lucro: Mova os stops em linha com a ação favorável do preço, garantindo ganhos não realizados.
  • Limitação de perda: Ajuste os stops para reduzir perdas potenciais se o mercado se mover contra a posição.

Implantação estratégica em diversos cenários de mercado

Traders pode implantar o Volatility Stop em vários cenários de mercado para gerenciar o risco de forma eficaz. Seja enfrentando um tendência de alta, um declínio de baixa, Ou um mercado lateral, o Stop de Volatilidade pode ser ajustado para proteger o capital e, ao mesmo tempo, permitir espaço suficiente para que o ativo flutue dentro dos limites normais.

cenário de mercado Aplicação de parada de volatilidade
Tendência de alta Defina paradas abaixo dos mínimos de oscilação para proteção
Declínio de baixa Defina paradas acima dos máximos de oscilação para limitar o risco
Mercado lateral Empregue paradas mais apertadas para evitar falsas pausas

Minimizando a tomada de decisões emocionais

O Volatility Stop também ajuda em removendo emoção provenientes de decisões comerciais. Ao definir parâmetros claros para quando sair de um trade, a confiança no julgamento subjetivo é reduzida. Esta objetividade ajuda a prevenir as armadilhas comuns do medo ou da ganância que ditam trade saídas, contribuindo para uma abordagem comercial disciplinada.

Estratégias de controle emocional:

  • Paradas automatizadas: Implemente ordens automatizadas de stop-loss com base nos níveis de Stop de Volatilidade.
  • Regras predefinidas: Estabeleça regras para ajuste de stops que sejam executados sem viés emocional.

Gestão Abrangente de Riscos

A incorporação do Volatility Stop num quadro mais amplo de gestão de risco aumenta a sua eficácia. Isto inclui a avaliação do risco global da carteira, a diversificação em diferentes classes de activos e a utilização de uma gestão de alavancagem adequada. O Volatility Stop torna-se um componente de um sistema integrado projetado para gerenciar e mitigar os riscos comerciais de forma sistemática.

Estrutura de gerenciamento de risco:

  • Avaliação de portfólio: Avalie como o Volatility Stop contribui para o risco total do portfólio.
  • Diversificação: Distribua o risco entre ativos com configurações variadas de Parada de Volatilidade.
  • Alavancar o controle: Alinhe os níveis de alavancagem com os parâmetros de risco definidos pelo Volatility Stop.

4. Quais estratégias melhoram a negociação com o Stop de Volatilidade?

Emparelhamento com ferramentas de análise de tendências

Integrando ferramentas de análise de tendências, como médias móveis (MAs) com o Stop de Volatilidade podem delinear a direção predominante do mercado. Empregando um média móvel de longo prazo, como o MA de 200 dias, em conjunto com o Volatility Stop, ajuda a confirmar que trades estão alinhados com a tendência mais ampla. Este emparelhamento garante que os ajustes do Volatility Stop não sejam feitos de forma contrária à trajetória dominante do mercado.

Alinhamento de confirmação de tendência

Ferramenta de análise de tendências Propósito Interação com Parada de Volatilidade
MA de longo prazo Identifica tendência abrangente Valida sinais de parada de volatilidade dentro do contexto de tendência

Incorporando técnicas de ação de preço

Preço da ação as técnicas oferecem uma visão do sentimento do mercado e podem ser utilizadas para refinar as colocações do Volatility Stop. Por exemplo, identificar suporte e resistência. níveis fornece uma estrutura para definir paradas de volatilidade com mais nuances. Uma violação de um nível chave de suporte ou resistência, em conjunto com um sinal de Stop de Volatilidade, pode sublinhar uma alta probabilidade trade configuração.

Utilizando Estratégias de Divergência

Divergência entre indicadores de preço e momentum, como o Índice de Força Relativa (RSI) ou MACD, podem sinalizar reversões potenciais. Quando uma divergência é detectada, ajustar o Stop de Volatilidade para refletir o risco aumentado de uma mudança de tendência pode gerenciar o risco preventivamente. Esta estratégia pode ser particularmente eficaz em cenários em que o preço continua a atingir novos máximos ou mínimos, mas o indicador não o faz, sugerindo um enfraquecimento da dinâmica.

Detecção de Divergência

Indicador função Ajuste de parada de volatilidade
RSI Sinais de mudanças de impulso Aperte os stops em antecipação a possíveis reversões
MACD Indica divergência Ajuste os stops para levar em conta o enfraquecimento da força da tendência

Aplicando Dimensionamento de Posição Baseado em Volatilidade

O dimensionamento da posição com base na volatilidade alinha o tamanho de um trade com as atuais condições de mercado. Calculando a distância entre o preço de entrada e o nível de Stop de Volatilidade, traders podem ajustar o tamanho de sua posição para manter um risco consistente por trade. Esta estratégia harmoniza o relação risco-recompensa com a volatilidade do mercado, garantindo que a potencial desvantagem seja proporcional ao tamanho do investimento.

Explorando configurações de reversão à média

Em mercados que apresentam reversão à média tendências, o Volatility Stop pode ser adaptado para capitalizar esse comportamento. Quando os preços se desviam significativamente de uma média móvel ou de outra medida média, definir um Stop de Volatilidade além do extremo pode preparar traders para uma possível reversão à média. Esta estratégia pode ser particularmente eficaz em mercados menos direcionais e com maior alcance.

Parâmetros de Reversão à Média

Condição Estratégia de Parada de Volatilidade
Desvio Significativo Definir paradas além dos extremos para reversão à média trades
Mercado limitado Use paradas mais estreitas alinhadas com os níveis médios

Ao incorporar essas estratégias, traders pode aumentar a utilidade do Volatility Stop, tornando-o um componente mais robusto de um sistema de negociação abrangente. Combinar o Volatility Stop com ferramentas e técnicas adicionais garante que ele funcione não apenas como um indicador independente, mas como parte integrante de um tradearsenal de r.

4.1. Técnicas de acompanhamento de tendências

Utilizando cruzamentos de média móvel

Cruzamentos de média móvel servem como base para o acompanhamento de tendências, fornecendo sinais claros para pontos de entrada e saída. O Cruz dourada e Cruz da Morte, onde uma média móvel de curto prazo cruza acima ou abaixo de uma média móvel de longo prazo, são particularmente notáveis. Traders pode alinhar esses eventos de cruzamento com o Volatility Stop para confirmar tendências robustas e filtrar sinais falsos.

Tipo de cruzamento Signal Açao Social
Cruz dourada Bullish Considere posições longas
Cruz da Morte Grosseiro Considere posições curtas

Aplicando estratégias de breakout

Breakouts de intervalos ou padrões estabelecidos geralmente precedem tendências significativas. Um rompimento acompanhado por um volume crescente e um nível de Stop de Volatilidade movendo-se na direção do rompimento pode indicar o início de uma nova tendência. TradeOs rs podem entrar em uma posição quando o preço ultrapassa um nível crítico, usando o Volatility Stop para gerenciar o risco enquanto a tendência se desenvolve.

Modelos de canal e envelope

Canais de negociação, como Canais Donchiane envelopes como Bandas de Bollinger, complementam o acompanhamento da tendência enquadrando a ação do preço. Quando os preços atingem ou ultrapassam as bandas superior ou inferior, o Volatility Stop pode ser ajustado para apoiar a tendência emergente, permitindo traders aproveitar o momento e ter uma rede de segurança no lugar.

Integração de Indicadores de Momentum

Incorporando indicadores de momentum como o Oscilador Estocástico or Índice direcional médio (ADX) pode validar a força de uma tendência. Um valor ADX elevado, por exemplo, sugere uma tendência forte, que pode ser um momento oportuno para seguir a direção da tendência, utilizando o Volatility Stop para se proteger contra reversões inesperadas.

Indicador Momentum Força da tendência Função de parada de volatilidade
Oscilador Estocástico Alto impulso Confirme a continuação da tendência
ADX Tendência forte Defina paradas para proteção contra retrocessos

Sistemas Adaptativos

Sistemas de negociação adaptativos, que se ajustam às condições do mercado, podem melhorar o acompanhamento de tendências, alterando dinamicamente a sensibilidade do indicador. Um Stop de Volatilidade adaptativo, por exemplo, poderia restringir-se durante as fases de baixa volatilidade de uma tendência e alargar-se durante as explosões de alta volatilidade, proporcionando um equilíbrio entre capitalizar as tendências e mitigar o risco.

Ao integrar essas técnicas de acompanhamento de tendências com o Volatility Stop, tradeOs rs podem construir uma abordagem disciplinada e responsiva para capturar e acompanhar as tendências do mercado e, ao mesmo tempo, gerenciar com eficácia seu perfil de risco.

4.2. Abordagens de negociação contra-tendência

As estratégias de negociação contra-tendência oferecem um paradigma contrastante para o seguimento de tendências, capitalizando potenciais reversões ou correções de preços. Essas abordagens normalmente envolvem a identificação de movimentos de mercado excessivamente estendidos e a antecipação de um retorno a um nível de preço ou média móvel anterior.

Utilização do oscilador em negociações contra-tendência

Osciladores como o Índice de Força Relativa (RSI) or Estocástico são fundamentais na negociação contra a tendência, pois ajudam a identificar condições de sobrecompra ou sobrevenda. Ao definir o Stop de Volatilidade oposto à tendência predominante quando estes indicadores sinalizam um extremo, tradeOs investidores podem se preparar para capturar o retorno à medida que os preços reverterem.

Oscilador Nível de sobrecompra Nível de sobrevenda Colocação de parada de volatilidade
RSI Acima 70 Abaixo 30 Acima/Abaixo do máximo/mínimo recente
Estocástico Acima 80 Abaixo 20 Acima/Abaixo do máximo/mínimo recente

Retrações de Fibonacci e configurações de contra-tendência

Níveis de retração de Fibonacci são fundamentais em estratégias contra-tendência, fornecendo potenciais pontos de reversão durante retrocessos. Traders pode alinhar o Stop de Volatilidade com os principais níveis de Fibonacci, como 38.2%, 50% ou 61.8%, para definir pontos de saída claros caso a reversão prevista não se concretize.

Padrões Harmônicos e Paradas de Volatilidade

Os padrões harmônicos, que usam números de Fibonacci para prever possíveis reversões, podem ser combinados com o Volatility Stop para refinadas posições contra-tendência. Quando um padrão é concluído, como um Gartley or Bastão, o Volatility Stop pode ser estrategicamente colocado para sair do trade se a reversão esperada não se concretizar.

Pontos de articulação como indicadores de reversão

Pivô pontos servir como mais uma ferramenta para contra-tendência traders, marcando níveis de suporte e resistência potenciais. Um Stop de Volatilidade pode ser ajustado para esses níveis, permitindo traders para entrar em posições contrárias à tendência com um limite de risco predefinido.

A negociação contra a tendência é inerentemente mais arriscada devido ao desafio de prever reversões com precisão. Assim, empregar o Volatility Stop nesses cenários é fundamental, pois fornece um método sistemático para gerenciar riscos e saídas. trades que não se movem conforme previsto.

4.3. Combinando com estratégias de dimensionamento de posição

Adaptando o tamanho da posição à volatilidade

As estratégias de dimensionamento de posição baseadas na volatilidade envolvem o cálculo da distância entre o preço de entrada e o nível de Volatility Stop para determinar o valor apropriado. trade tamanho. Este método garante que o risco de dólar por trade permanece consistente, independentemente da volatilidade do ativo. Uma distância maior até o Stop de Volatilidade exigiria um tamanho de posição menor para manter os parâmetros de risco, enquanto uma distância mais curta permite uma posição maior.

Integração do critério Kelly

Critério de Kelly pode ser aplicado ao dimensionamento de posições, quantificando a porção ideal de capital a ser alocada para um trade com base no desempenho histórico. A incorporação do Volatility Stop nesta fórmula adiciona uma camada de controle de risco, adaptando o tamanho da posição não apenas à probabilidade de vitória e à relação recompensa-risco, mas também à volatilidade atual do mercado.

Consideração da relação risco-recompensa

O dimensionamento da posição também deve levar em conta o relação risco-recompensa. Uma relação risco/recompensa favorável, como 1:2 ou superior, justifica uma dimensão de posição mais substancial dentro dos limites da tolerância global ao risco. A colocação do Volatility Stop impacta diretamente esse índice, definindo o lado negativo potencial (risco) em relação ao lado positivo previsto (recompensa).

Dimensionamento de posição fracionária fixa

Dimensionamento de posição fracionária fixa envolve arriscar uma porcentagem constante da conta de negociação em cada trade. A distância até o Stop de Volatilidade, neste caso, dita o risco do dólar, que é então convertido em um percentual do saldo da conta para determinar o tamanho da posição. Esta abordagem ajusta-se inerentemente à tradeo sucesso de r, crescendo ou diminuindo com a conta.

Distância de parada de volatilidade Tamanho conta Porcentagem de Risco Cálculo do tamanho da posição
Amplo (alta volatilidade) $10,000 2% Tamanho de posição menor
Estreito (baixa volatilidade) $10,000 2% Tamanho de posição maior

Ao integrar essas estratégias de dimensionamento de posição com o Volatility Stop, tradepodem combinar a sua exposição ao risco com a sua confiança no trade e as condições prevalecentes no mercado. Este alinhamento é essencial para a preservação do capital a longo prazo e para a obtenção de um desempenho comercial consistente.

5. O que considerar ao usar o Stop de Volatilidade em seu Trades?

Ao integrar o Volatility Stop em seu arsenal de negociação, consciência das características do ativo subjacente é fundamental. Ativos com alta volatilidade pode necessitar de uma parada mais ampla para acomodar maiores oscilações de preços, enquanto os ativos com menor volatilidade pode ser gerenciado com paradas mais apertadas, reduzindo o impacto do “ruído” de mercado sobre trade saídas.

Sensibilidade ao Contexto do Mercado também é crucial; durante eventos noticiosos de alto impacto, a volatilidade pode aumentar, distorcendo temporariamente o comportamento típico dos preços. É essencial ajustar as configurações do Volatility Stop para evitar ser interrompido por volatilidade anômala ou, inversamente, para garantir lucros durante movimentos inesperados.

Consideração da fase de mercado

Fase de mercado Ajuste de parada de volatilidade
Eventos de alto impacto Ampliar para acomodar picos
Períodos de negociação tranquilos Aperte para minimizar o impacto do ruído do mercado

Liquidez desempenha um papel na eficácia do Stop de Volatilidade. Em mercados menos líquidos ou fora dos horários de pico, o stop pode ser atingido com mais frequência devido a spreads mais amplos ou deslizamentos. Isto exige um equilíbrio cuidadoso entre saídas demasiado estreitas, que provocam falsas saídas, e saídas demasiado amplas, que aumentam a exposição ao risco.

Alinhamento do estilo de negociação é outro fator. Balanço traders pode definir paradas mais amplas em comparação com o dia traders que procuram capitalizar movimentos de curto prazo. A parada deve refletir não apenas as condições de mercado, mas também a tradehorizonte de tempo de r e tolerância ao risco.

Por último, loops de feedback do passado tradesão inestimáveis. Revisar regularmente o desempenho das configurações de Volatility Stop em seu trades podem fornecer informações sobre os ajustes necessários. Esta análise retrospectiva promove um processo de melhoria contínua, aumentando a eficácia do Volatility Stop ao longo do tempo.

5.1. Compreendendo o impacto da volatilidade

A volatilidade, uma medida estatística da dispersão dos retornos de um determinado título ou índice de mercado, influencia fundamentalmente a colocação do Volatility Stop. A alta volatilidade sugere maiores oscilações de preços, o que pode levar a uma maior frequência de acionamentos de parada se não for ajustado corretamente. Por outro lado, a baixa volatilidade indica movimentos de preços menores, permitindo paradas mais apertadas que protegem contra pequenas flutuações sem sair prematuramente de uma posição.

Faixa verdadeira média (ATR), um indicador comum de volatilidade, quantifica a volatilidade do mercado medindo o grau de movimento dos preços. TradeOs rs costumam usar um múltiplo do ATR para definir seus níveis de Stop de Volatilidade. Por exemplo, um tradeVocê pode usar um ATR duas vezes abaixo do preço atual para uma posição longa em um mercado volátil para permitir oscilações mais amplas.

Colocação de parada de volatilidade com base em ATR

ATR Múltiplo Colocação de parada de volatilidade Condição de mercado
1x ATR Mais perto do preço de entrada baixa volatilidade
2x ATR Mais longe do preço de entrada Alta volatilidade

Volatilidade implícita (IV), derivado do preço das opções, reflecte a previsão do mercado de um movimento provável no preço de um título e pode ser um indicador prospectivo de volatilidade potencial. TradeOs rs podem incorporar o IV em sua estratégia de Parada de Volatilidade, estabelecendo paradas mais amplas quando o IV estiver alto, sinalizando uma expectativa de maiores oscilações de preços.

Ajustar o Stop de Volatilidade em resposta a mudanças na volatilidade permite traders para fique tradeé mais longo durante períodos turbulentos, protegendo ao mesmo tempo os lucros durante períodos mais calmos. Esta abordagem dinâmica adapta o trade gestão ao comportamento atual do ativo, buscando otimizar o equilíbrio entre risco e recompensa.

TradeOs rs também devem reconhecer que a volatilidade não é estática e pode mudar rapidamente, necessitando vigilância constante e flexibilidade em sua abordagem. Monitorar as condições do mercado e estar preparado para ajustar rapidamente os níveis do Volatility Stop pode evitar perdas desnecessárias e aumentar as chances de capturar movimentos significativos do mercado.

5.2. Evitando armadilhas comuns

Excesso de confiança na volatilidade histórica

TradeOs investidores muitas vezes cometem o erro de definir Stops de Volatilidade com base apenas nos níveis históricos de volatilidade, sem considerar as condições de mercado atuais ou iminentes. Isto pode levar a colocações de parada inadequadas que estão muito apertados ou excessivamente soltos. É vital incorporar análises em tempo real e antecipar mudanças de volatilidade que podem não estar refletidas em dados anteriores.

Negligenciar o ajuste à estrutura do mercado

Outra armadilha comum é ignorar os principais elementos da estrutura do mercado, como níveis de suporte e resistência. Os Stops de Volatilidade devem ser definidos com uma compreensão dessas zonas para evitar stop-outs que ocorrem pouco antes da recuperação do preço no mercado. tradefavor de r. A contabilização adequada desses níveis pode criar um buffer que alinha o stop com os movimentos naturais do mercado.

Estrutura de mercado Estratégia de posicionamento de parada
Nível de suporte Coloque paradas abaixo do suporte para permitir testes
Nível de resistência Coloque paradas acima da resistência para permitir retrocessos

Inflexibilidade no ajuste do Stop

Uma abordagem rígida para a colocação de stop pode levar a resultados abaixo do ideal. Os mercados são dinâmicos e uma estratégia de ajuste flexível para Stops de Volatilidade é essencial. TradeOs investidores devem estar prontos para apertar ou ampliar os limites em resposta a mudanças na volatilidade, eventos noticiosos ou sinais de indicadores, protegendo assim os lucros e minimizando as perdas.

Desconsiderando estilo e objetivos de negociação

Os Stops de Volatilidade devem ser congruentes com o estilo e objetivos de negociação de um indivíduo. Um scalper, por exemplo, requer uma estratégia de colocação de stop muito diferente de uma posição tradeR. É crucial adaptar os Stops de Volatilidade ao prazo e tolerância ao risco específico para o tradeabordagem de r.

Subestimando a importância do feedback

Finalmente, traders às vezes não conseguem aprender com seu passado tradeS. A avaliação contínua da eficácia das colocações de Volatility Stop é necessária para ajuste fino e melhoria. Ao analisar o passado trades, tradeOs rs podem identificar padrões nas ativações de stop e fazer ajustes informados em sua estratégia.

Análise de Feedback Resultado
Trade Revisão Identificar necessidades de ajuste
Refinamento da Estratégia Melhorar a eficácia do Stop de Volatilidade

Ao evitar essas armadilhas, tradeOs investidores podem utilizar melhor os Stops de Volatilidade para gerenciar riscos e capturar oportunidades lucrativas nos mercados.

5.3. Aprendizagem Contínua e Adaptação

Adaptação e aprendizagem são componentes críticos para traders que empregam o Volatility Stop como parte de sua estratégia de gestão de risco. Isto requer um avaliação contínua das condições de mercado e um ajuste dos parâmetros do Volatility Stop para se alinhar com o atual ambiente de mercado. TradeOs rs devem ser proativos na aquisição de novos conhecimentos e no refinamento de suas estratégias por meio de backtestingem tempo real trade análisepesquisa de mercado.

Backtesting para desenvolvimento de estratégia aprimorada

O backtesting envolve a aplicação do Volatility Stop a dados históricos para avaliar sua eficácia sob diversas condições de mercado. Esta abordagem empírica pode revelar o impacto de diferentes níveis de volatilidade na colocação de stop e ajudar a otimizar os parâmetros para a negociação atual.

Elemento de backtesting Beneficiar
Análise de Dados Históricos Identifica parâmetros de parada efetivos
Simulação de cenário Testa a parada de volatilidade sob várias condições

Em tempo real Trade Análise para insights práticos

A aplicação no mundo real fornece insights que a análise teórica pode não revelar. Revendo regularmente ativos e passados trades com o Volatility Stop permite traders para identificar tendências em seu desempenho, identificar problemas recorrentes e fazer os ajustes necessários. Esta análise prática é essencial para compreender as implicações práticas das colocações de Volatility Stop.

Pesquisa de mercado para ajustes prospectivos

Manter-se informado sobre as tendências macroeconómicas, os eventos geopolíticos e o sentimento do mercado é crucial para antecipar as mudanças na volatilidade. Esta pesquisa ajuda tradeOs investidores ajustam suas configurações de Volatility Stop preventivamente, em vez de reativamente, permitindo-lhes navegar nos mercados com maior confiança.

Contínuo educação também desempenha um papel significativo. Envolver-se com comunidades comerciais, participar de seminários e consumir conteúdo relevante pode introduzir traders a ideias novas e perspectivas alternativas sobre a gestão da volatilidade. Este processo de aprendizagem contínuo pode revelar oportunidades inexploradas e técnicas inovadoras de gestão de risco.

Recurso de Aprendizagem Propósito
Comunidades comerciais Compartilha experiências e estratégias coletivas
Conteúdo Educacional Fornece insights sobre técnicas avançadas de gerenciamento de risco

Em essência, a chave para o sucesso com o Stop de Volatilidade não é a adesão estática a uma fórmula definida, mas sim uma prática comprometida de adaptação e aprendizagem. Ao combinar uma revisão analítica do passado trades com pesquisas de mercado atuais e educação contínua, tradeOs investidores podem evoluir o uso do Volatility Stop para melhor se adequar ao cenário de mercado em constante mudança.

📚 Mais recursos

Observe: Os recursos fornecidos podem não ser adaptados para iniciantes e podem não ser apropriados para traders sem experiência profissional.

Para mais detalhes sobre o stop de volatilidade, visite Investopedia & Tradingview.

❔ Perguntas frequentes

triângulo sm direito
O que é um indicador de stop de volatilidade?

indicador de parada de volatilidade mede a volatilidade dos movimentos de preços para definir ordens de stop loss. Determina a melhor posição para um stop loss com base na volatilidade histórica, permitindo traders para minimizar perdas durante oscilações imprevisíveis do mercado. TradeOs investidores o utilizam para ajustar suas ordens de stop loss para corresponder à volatilidade do ativo, evitando serem interrompidos muito cedo devido a flutuações normais de preços.

triângulo sm direito
Como funciona a fórmula de parada de volatilidade?

fórmula de parada de volatilidade normalmente envolve o cálculo do intervalo verdadeiro médio (ATR) de um ativo para estabelecer um limite de volatilidade. Este limite é então utilizado para criar um stop loss que se ajusta à medida que o preço do ativo se move, garantindo que o stop loss seja colocado num nível que seja sensato dada a atual volatilidade do mercado. A fórmula pode ser mais ou menos assim:

Volatility Stop = Price - (Multiplier × ATR)

triângulo sm direito
Como posso adicionar um indicador de stop de volatilidade ao meu gráfico TradingView?

Para adicionar um indicador de parada de volatilidade on TradingView:

  • Navegue até o seu gráfico TradingView.
  • Clique no botão “Indicadores” na parte superior da tela.
  • Na caixa de pesquisa, digite “Volatility Stop” e procure o indicador nos resultados.
  • Clique no nome do indicador para adicioná-lo ao seu gráfico.

triângulo sm direito
Como utilizo o indicador de parada de volatilidade para melhorar minha estratégia de negociação?

Para use o indicador de parada de volatilidade efetivamente:

  • Determine as configurações apropriadas para o indicador com base no ativo e no período que você está negociando.
  • Utilize o stop de volatilidade para definir ordens de stop-loss dinâmicas que se ajustam aos movimentos do mercado.
  • Permita que o stop de volatilidade guie seus pontos de saída, garantindo lucros ou reduzindo perdas com base nos níveis de stop calculados.
triângulo sm direito
O indicador de parada de volatilidade pode ser usado para todos os tipos de instrumentos de negociação?

Sim, o indicador de parada de volatilidade pode ser aplicado a vários instrumentos de negociação, incluindo ações, forex, commodities e índices. A sua versatilidade no ajuste a diferentes níveis de volatilidade torna-o adequado para uma ampla gama de mercados e estilos de negociação. No entanto, tradeOs rs devem ajustar as configurações para se adequarem às características específicas do instrumento que estão negociando.

Autor: Arsam Javed
Arsam, um especialista em negociação com mais de quatro anos de experiência, é conhecido por suas atualizações perspicazes do mercado financeiro. Ele combina sua experiência comercial com habilidades de programação para desenvolver seus próprios Expert Advisors, automatizando e melhorando suas estratégias.
Leia mais de Arsam Javed
Arsam-Javed

Deixe um comentário

3 topo Brokers

Última atualização: 25 de julho de 2024

markets.com-logo-novo

Markets.com

4.6 de 5 estrelas (9 votos)
81.3% do varejo CFD contas perdem dinheiro

Vantage

4.6 de 5 estrelas (10 votos)
80% do varejo CFD contas perdem dinheiro

Exness

4.5 de 5 estrelas (19 votos)

você pode gostar também

⭐ O que você achou deste artigo?

Você achou este artigo útil? Comente ou avalie se você tem algo a dizer sobre este artigo.

Obtenha sinais de negociação gratuitos
Nunca perca uma oportunidade novamente

Obtenha sinais de negociação gratuitos

Nossos favoritos em resumo

Selecionamos o topo brokers, em que você pode confiar.
InvestirXTB
4.4 de 5 estrelas (11 votos)
77% das contas de investidores de varejo perdem dinheiro ao negociar CFDs com este provedor.
TradeExness
4.5 de 5 estrelas (19 votos)
bitcoinCryptoAvaTrade
4.4 de 5 estrelas (10 votos)
71% das contas de investidores de varejo perdem dinheiro ao negociar CFDs com este provedor.

Filtros

Classificamos por classificação mais alta por padrão. Se você quiser ver outros brokerBasta selecioná-los no menu suspenso ou restringir sua pesquisa com mais filtros.
- controle deslizante
0 - 100
O que procura?
Brokers
Regulamento
Plataforma
Depósito / Retirada
Tipo de Conta
Localizacao
Broker Funcionalidades