Como usar indicadores de volume com sucesso

4.6 de 5 estrelas (5 votos)

Desbloqueando o sucesso comercial: um mergulho profundo nos indicadores de volume

Navegar no mar turbulento da negociação pode parecer opressor, mesmo para os mais experientes. traders, com os indicadores de volume provando ser um desafio assustador de entender completamente. Mergulhe no coração deste post enquanto desmistificamos essas ferramentas críticas, esclarecendo como elas podem ser sua arma secreta para prever as tendências do mercado e otimizar suas estratégias de negociação, apesar das nuances complexas que apresentam.

Como usar indicadores de volume com sucesso

💡 Principais conclusões

  1. Compreendendo os indicadores de volume: TradeOs rs devem entender que os indicadores de volume desempenham um papel fundamental na interpretação das tendências do mercado. Esses indicadores oferecem insights sobre o nível de trader entusiasmo ou falta dele, e pode sugerir um possível movimento de preços.
  2. Importância do Indicador de Volume: Os indicadores de volume são uma ferramenta chave para determinar a liquidez e a volatilidade do mercado. Alto volume sugere forte interesse do investidor e alta liquidez, o que oferece melhores oportunidades para entrar e sair trades. Por outro lado, baixo volume pode indicar menor interesse do investidor e maior potencial de volatilidade.
  3. Tipos de indicadores de volume: Existem vários tipos de indicadores de volume, como On Balance Volume (OBV), Linha de Acumulação/Distribuição e Índice de Fluxo de Dinheiro (MFI). Cada um tem suas próprias forças e fraquezas, e traders deve escolher aquele que melhor se adapta ao seu estilo e estratégia de negociação.

No entanto, a magia está nos detalhes! Desvende as nuances importantes nas seções a seguir... Ou pule direto para o nosso Perguntas frequentes repletas de insights!

1. Compreendendo os indicadores de volume

Os indicadores de volume são ferramentas cruciais no arsenal de uma empresa de sucesso. trader ou investidor. Eles fornecem uma janela para o funcionamento interno do mercado, oferecendo insights que não são imediatamente visíveis apenas pelo preço. Uma compreensão mais profunda dos indicadores de volume pode revelar forças ou fraquezas ocultas em um mercado e, potencialmente, até mesmo sinalizar os próximos movimentos de preços antes que eles aconteçam.

O indicador de volume mais comumente usado é o 'Barra de volume'. Este é um histograma simples que exibe o número de compartilhamentos traded durante cada período. Ao comparar barras de volume ao longo do tempo, você pode obter insights sobre o mercado ímpeto. Por exemplo, se o volume aumentar nos dias de alta e diminuir nos dias de baixa, isso pode sugerir que os compradores estão no controle.

Outro indicador de volume popular é o 'Volume de Balanço (OBV)'. De acordo com a Investopedia, OBV é um total cumulativo de volume, adicionado ou subtraído dependendo se o preço do dia fechou para cima ou para baixo. Foi desenvolvido por Joe Granville em 1963 e seu objetivo é usar o fluxo de volume para prever mudanças no preço das ações.

Um terceiro indicador de volume comum é o 'Fluxo de Dinheiro Chaikin (CMF)'. Com o nome de seu criador, Marc Chaikin, o CMF é projetado para medir a pressão de compra e venda durante um determinado período de tempo. O CMF flutua entre -1 e +1. Valores positivos indicam pressão de compra, enquanto valores negativos indicam pressão de venda.

'Klinger Oscilador de volume (KVO)' é mais um poderoso indicador de volume. Foi desenvolvido por Stephen Klinger e visa prever tendências de longo prazo do fluxo de dinheiro, sendo sensível a flutuações de curto prazo.

Cada um desses indicadores de volume tem seus pontos fortes e nuances, mas o que todos compartilham é a capacidade de fornecer uma perspectiva única sobre os movimentos do mercado. Combinando indicadores de volume com outros análise técnica Ferramentas, traders e investidores podem tomar decisões mais informadas, aumentando suas chances de sucesso no mercado. Lembre-se, o volume geralmente é o primeiro indicador a sinalizar uma possível mudança na tendência, tornando-se uma ferramenta inestimável em seu kit de ferramentas de negociação.

1.1. O conceito de indicadores de volume

Ao mergulhar no mundo financeiro, entender o conceito de Indicadores de volume é crucial. São fórmulas matemáticas utilizadas na análise técnica de títulos. Eles providenciam traders e investidores com uma avaliação da quantidade de atividade de negociação, que pode fornecer informações sobre a força do mercado, a saúde da tendência e os movimentos dos preços.

A teoria subjacente é que mudanças significativas no volume geralmente precedem mudanças substanciais de preços. Os indicadores de volume podem desempenhar um papel integral na confirmação e reversão de tendências. Por exemplo, se o preço de uma ação subir e o volume também aumentar, traders pode inferir que a tendência ascendente é forte e deve continuar. Por outro lado, se o preço estiver aumentando, mas o volume estiver diminuindo, isso pode sinalizar uma possível reversão de tendência.

Indicadores de volume são frequentemente usados ​​em conjunto com a análise de preços para confirmar a força ou fraqueza de uma tendência. Eles podem ser particularmente úteis na identificação de fugas. De acordo com a pesquisa de Bulkowski, as fugas geralmente levam a lucros lucrativos trades quando há aumento de volume.

Existem vários tipos de indicadores de volume, incluindo o No volume da balança (OBV), volume Taxa de Mudança (VROC) e a Linha de Acumulação/Distribuição. Cada tipo tem seu método de cálculo e interpretação únicos, mas todos procuram mostrar o fluxo de volume de alguma forma.

A compreensão e o uso eficaz dos indicadores de volume podem aprimorar muito sua estratégia de negociação, oferecendo uma compreensão mais profunda da dinâmica do mercado. É como ter um sistema de radar descobrindo o que está abaixo da superfície da ação do preço. Assim, os indicadores de volume são uma ferramenta indispensável no arsenal de sucesso traders e investidores.

1.2. Como funcionam os indicadores de volume

Os indicadores de volume são uma ferramenta vital nas mãos de um profissional experiente. trader ou investidor, oferecendo uma janela única para a intensidade da atividade comercial. Esses instrumentos analíticos são baseados nos valores das transações e ajudam a determinar a força dos movimentos de preços. Indicadores de volume trabalho examinando o número de ações ou contratos que mudam de mãos em um período de tempo específico.

A Volume On-Balance (OBV), por exemplo, soma o volume nos dias 'ativos' e subtrai o volume nos dias 'inativos'. Tem como objetivo mostrar quando os ativos financeiros estão sendo acumulados ou distribuídos, servindo como um potencial precursor para as próximas oscilações de preços. Outro indicador de volume popular é o Preço médio ponderado por volume (VWAP), que dá o preço médio que um título tem traded ao longo do dia, com base no volume e no preço. É usado principalmente por analistas técnicos para identificar a direção do mercado.

Alto volume, especialmente perto de importantes níveis de mercado, pode ser um sinal do início de uma nova tendência, enquanto baixo volume pode indicar incerteza ou falta de interesse. Quando combinado com a análise de preços, indicadores de volume pode ajudar traders tomar decisões mais informadas. Eles podem revelar o que está acontecendo nos bastidores e fornecer pistas valiosas sobre a possível direção futura do preço.

Lembre-se, no entanto, que os indicadores de volume são apenas uma peça do quebra-cabeça. Eles devem ser usados ​​em conjunto com outras ferramentas e indicadores para uma análise de mercado mais eficaz. (Investopédia, 2020) See More

Enquanto indicadores de volume podem fornecer insights valiosos, eles não são infalíveis. Como acontece com todos os indicadores técnicos, eles devem ser usados ​​em conjunto com um plano de negociação cobrindo áreas como risco tolerância e objetivos de investimento. A utilização de indicadores de volume como parte de uma estratégia de negociação equilibrada pode fornecer uma compreensão mais profunda da dinâmica do mercado e melhorar seu desempenho comercial.

2. Tipos de indicadores de volume

Compreender os diferentes tipos de indicadores de volume pode elevar significativamente o seu estratégias de negociação e processos de tomada de decisão. Os dois tipos principais são Volume On-Balance (OBV) e Fluxo de Dinheiro Chaikin (CMF).

Volume On-Balance (OBV), desenvolvido por Joe Granville, é um indicador simples, mas poderoso. Ele fornece um volume total cumulativo adicionando o volume do dia a um total corrente quando o preço do título fecha e o subtrai se o preço do título fecha. Isso ajuda traders determinam o interesse do público em um determinado título. De acordo com Investopedia, quando o OBV aumenta em relação ao preço do título, indica pressão de volume positiva que pode levar a preços mais altos.

Por outro lado, Fluxo de dinheiro de Chaikin (CMF), desenvolvido por Marc Chaikin, é uma média ponderada por volume de acumulação e distribuição durante um período especificado. O foco principal do indicador CMF é avaliar a força de uma tendência ou antecipar reversões por meio da observação do fluxo de volume. Uma leitura positiva do CMF indica pressão de compra, enquanto um CMF negativo indica pressão de venda. Como Fidelidade sugere, um sinal de alta é dado quando o CMF é positivo e o preço flutuante está tendendo para cima, enquanto um sinal de baixa é dado quando o CMF é negativo e o preço flutuante está tendendo para baixo.

Ao combinar esses dois indicadores de volume, tradeOs rs podem obter uma visão abrangente da dinâmica do mercado e das tendências potenciais, aprimorando assim sua capacidade de tomar decisões comerciais bem informadas.

2.1. Volume de equilíbrio (OBV)

No Volume de Saldo (OBV) é uma ferramenta potente nas mãos de um investidor experiente. Projetado por Joe Granville no início dos anos 1960, esse indicador exclusivo baseado em volume quantifica o fluxo cumulativo de capital para dentro e para fora de um título específico, refletindo assim o nível de convicção de traders. O OBV opera com um princípio simples: adiciona o volume de um período ao OBV se o preço de fechamento for maior que o fechamento anterior e subtrai o volume se o fechamento for menor.

Esta poderosa ferramenta pode oferecer informações valiosas sobre as tendências do mercado. Um OBV crescente significa que o volume está aumentando em movimentos de preços ascendentes, o que pode indicar o domínio do comprador. Por outro lado, um OBV decrescente sugere que o volume está aumentando em movimentos de preços descendentes, indicativo de dominância do vendedor. Esta informação pode ajudar traders antecipam possíveis reversões de mercado e identificam oportunidades comerciais lucrativas.

Dito isso, é fundamental lembrar que o OBV não é uma ferramenta autônoma. Para obter os melhores resultados, deve ser usado em conjunto com outras ferramentas e indicadores de análise técnica. Além disso, embora seja uma ferramenta benéfica, como todos os indicadores, não é infalível e deve ser usada com cautela.

Um dos principais pontos fortes do OBV reside em sua capacidade de gerar sinais de divergência. Quando o OBV forma uma série de picos e vales ascendentes enquanto o preço forma picos e vales descendentes, isso é conhecido como divergência positiva. Pode sinalizar o potencial para uma reversão de alta. Por outro lado, uma divergência negativa – quando o OBV forma picos e vales descendentes enquanto o preço está formando picos e vales ascendentes – pode sugerir uma possível reversão de baixa.

Apesar de sua aparente simplicidade, o OBV é uma ferramenta versátil e robusta que pode aprimorar significativamente seu kit de ferramentas de análise técnica. Sua capacidade de revelar tendências de mercado ocultas e prever possíveis reversões de preços pode ser inestimável no mundo dinâmico das negociações. No entanto, lembre-se sempre de usá-lo como parte de uma estratégia mais ampla, e não isoladamente, para obter resultados mais precisos e eficazes.

2.2. Preço Médio Ponderado por Volume (VWAP)

A Preço médio ponderado por volume (VWAP) é uma ferramenta crucial para traders e investidores, fornecendo uma visão abrangente da atividade de negociação do dia. Este indicador de volume fornece o preço médio de um título em um período de tempo especificado, levando em consideração o preço e o volume. É calculado multiplicando o volume de negociação em cada ponto de preço pelo próprio preço e, em seguida, dividindo a soma pelo volume total. O resultado é um único valor em dólar que representa o preço médio pelo qual trades foram executados durante o período.

Este indicador de volume é particularmente útil para aqueles envolvidos em negociação algorítmica ou executando grandes pedidos. O VWAP pode servir como referência, ajudando traders para avaliar o desempenho do mercado durante um período específico. Se o preço atual estiver acima do VWAP, isso indica que o título está sendo negociado a um preço mais alto que a média e vice-versa. Esta informação pode ser extremamente valiosa ao decidir sobre pontos de entrada e saída para trades.

No entanto, é fundamental observar que o VWAP é um indicador de atraso, o que significa que calcula médias com base em dados passados ​​e pode não prever com precisão movimentos futuros de preços. É melhor usado em conjunto com outras ferramentas de análise técnica para uma perspectiva mais completa da dinâmica do mercado.

Os investidores institucionais costumam usar VWAP para executar seus trades o mais próximo possível do preço médio, a fim de minimizar o impacto e a derrapagem no mercado. Também é comumente usado em planos de pensão e fundos mútuos por motivos semelhantes. Além disso, o VWAP pode ser uma excelente ferramenta para o varejo traders, fornecendo informações sobre o preço de equilíbrio do mercado, que pode ser um ponto de referência valioso para estratégias de negociação pessoais.

Lembre-se, como qualquer outra ferramenta de negociação, o VWAP não é infalível e deve ser usado criteriosamente. É uma ferramenta que fornece informações e percepções, mas, em última análise, uma negociação bem-sucedida depende de uma estratégia completa que considera uma variedade de fatores e indicadores. Como tal, traders e investidores devem sempre realizar pesquisas abrangentes e consultar um consultor financeiro profissional antes de tomar qualquer decisão comercial.

Fontes:

Instituto CF. (2020). Preço Médio Ponderado por Volume (VWAP). Obtido em https://www.cfainstitute.org/

Investopedia. (2020). Preço Médio Ponderado por Volume (VWAP). Obtido em https://www.investopedia.com/

2.3. Índice de Fluxo de Dinheiro (MFI)

A Índice de Fluxo de Dinheiro (IFM) é uma combinação única de análise de volume e preço que oferece traders e investidores uma visão abrangente da atividade do mercado. Este oscilador se move entre 0 e 100, fornecendo informações sobre possíveis condições de sobrecompra e sobrevenda no mercado. Analisar o MFI pode ajudar a identificar potenciais reversões de preços e confirmar a força da tendência.

A MFI é calculada acumulando valores de fluxo de dinheiro positivos e negativos (com base no preço e volume típicos do período) e, em seguida, criando uma relação monetária. O resultado é então inserido em uma equação que fornece o MFI. A MFI leva em consideração tanto os dados de preço quanto os de volume, ao contrário de alguns outros osciladores que se concentram apenas no preço. Isso torna o MFI um indicador mais robusto que pode fornecer uma visão mais ampla da dinâmica do mercado.

Um valor alto de MFI (acima de 80) normalmente indica uma condição de sobrecompra onde o preço pode reverter para baixo, enquanto um valor baixo (abaixo de 20) sugere uma condição de sobrevenda onde o preço pode reverter para cima. No entanto, como todos os indicadores, o MFI não é infalível e deve ser usado em conjunto com outras ferramentas e métodos de análise.

Também é importante observar que, embora o MFI possa ser uma ferramenta útil na identificação de tendências e previsão de reversão, às vezes pode dar sinais falsos em mercados altamente voláteis. Portanto, uma compreensão completa do contexto do mercado é crucial ao usar a MFI para tomar decisões comerciais.

Divergência é outro aspecto crítico a considerar ao analisar a IMF. Se o preço formar uma nova alta ou baixa que não seja refletida na MFI, isso pode sinalizar uma possível reversão de preço. Por exemplo, se o preço atingir uma nova máxima, mas a MFI não conseguir atingir uma nova máxima, pode ser uma divergência de baixa indicando potencial pressão de venda. Por outro lado, se o preço atingir uma nova mínima, mas a MFI não atingir uma nova mínima, pode ser uma divergência de alta indicando uma possível pressão de compra.

Em essência, o Índice de Fluxo de Dinheiro é uma ferramenta versátil que pode agregar valor significativo a um trader, oferecendo informações sobre o momento do preço, força da tendência e possíveis reversões. No entanto, como acontece com qualquer ferramenta de negociação, é vital usar o MFI criteriosamente, em conjunto com outros indicadores, e considerar as condições gerais do mercado.

3. Utilizando Indicadores de Volume para Negociar com Sucesso

Indicadores de volume são ferramentas cruciais em um trader, fornecendo informações sobre o nível de atividade em um mercado. Esses indicadores podem oferecer uma perspectiva única sobre a dinâmica do mercado e, quando usados ​​com eficiência, podem melhorar significativamente as decisões de negociação.

Um indicador de volume popular é o No Volume de Saldo (OBV). Este indicador adiciona volume nos dias em que o preço termina mais alto e subtrai volume nos dias em que o preço termina mais baixo para fornecer um total acumulado. Isso pode ajudar traders para identificar tendências e reversões, bem como para confirmar movimentos de preços. Por exemplo, se o OBV está subindo, mas o preço não, isso pode sugerir que um aumento de preço é iminente[1].

Outro potente indicador de volume é o Taxa de variação do volume (VROC). Esta ferramenta mede a taxa de mudança no volume durante um período especificado. pode ajudar traders para detectar os primeiros sinais de reversão do mercado, pois um aumento repentino no VROC pode indicar um aumento na pressão de compra ou venda[2].

A Índice de fluxo de dinheiro (MFI) é uma versão ponderada por volume do Índice de Força Relativa (RSI). Leva em consideração o preço e o volume para medir a pressão de compra e venda. Um valor MFI alto (acima de 80) indica condições de sobrecompra, enquanto um valor baixo (abaixo de 20) indica condições de sobrevenda. Isso pode ajudar traders para aceitar o anúnciovantage de movimentos extremos de preços e potenciais reversões[3].

Em essência, os indicadores de volume são ferramentas poderosas que podem aprimorar um tradea capacidade de r de entender o sentimento do mercado e tomar decisões comerciais mais informadas. No entanto, é importante lembrar que eles devem ser usados ​​em conjunto com outros indicadores e métodos de análise para aumentar sua eficácia.

[1] “Análise Técnica: On Balance Volume (OBV)”, Investopedia.
[2] “Indicador de taxa de variação de volume (VROC)”, TradingView.
[3] “Índice de Fluxo de Dinheiro (IMF)”, StockCharts.

3.1. Estratégias para uso do indicador de volume

O valor dos indicadores de volume na esfera comercial é indiscutível. Essas ferramentas poderosas fornecem informações sobre o liquidez de um estoque, permitindo traders para tomar decisões informadas sobre seus investimentos. Mas como você pode maximizar a eficácia desses indicadores? Aqui estão três estratégias a serem consideradas.

1. Confirmando tendências: O volume pode ajudar a confirmar a validade das tendências de preços. Se o preço de uma ação está subindo e o volume também está subindo, fica claro que a tendência de alta é apoiada por uma atividade de compra substancial. Por outro lado, se uma ação está tendendo para baixo com o aumento do volume, a pressão de venda está levando o preço para baixo. Essa correlação entre preço e volume é um sinal claro do sentimento do mercado em relação a uma determinada ação.

2. Identificando reversões: Os indicadores de volume também podem ser usados ​​para detectar possíveis reversões de tendência. Um aumento repentino no volume pode sinalizar uma possível reversão de preço. Por exemplo, se o preço de uma ação estiver caindo e houver um aumento repentino no volume, isso pode significar que os compradores estão intervindo, indicando uma possível reversão de tendência.

3. Identificando fugas: Os rompimentos ocorrem quando o preço de uma ação se move acima de um certo nível de resistência ou abaixo de um nível de suporte. Os indicadores de volume podem fornecer sinais de alerta precoce dessas fugas. Se o volume de uma ação for significativamente alto, isso pode sugerir que uma fuga é iminente.

Lembre-se, embora essas estratégias possam melhorar sua atividade comercial, elas não são infalíveis. É crucial combinar indicadores de volume com outras ferramentas de análise técnica para tomar decisões comerciais abrangentes. O volume nunca deve ser usado isoladamente, mas sempre em conjunto com outros indicadores e técnicas.

3.2. Armadilhas a evitar ao usar indicadores de volume

O mundo das negociações pode ser uma paisagem traiçoeira, repleta de sinais falsos e indicadores enganosos. Uma dessas áreas onde traders muitas vezes tropeçam é o uso de indicadores de volume. Os indicadores de volume são uma ferramenta crítica em um trader, fornecendo informações sobre o sentimento do mercado e possíveis reversões de preços. No entanto, confiar neles sem entender suas limitações pode levar a erros caros.

Em primeiro lugar, a armadilha comum é assumindo que os indicadores de volume são infalíveis. Nenhum indicador é perfeito e os indicadores de volume não são exceção. TradeMuitas vezes, os rs interpretam mal os picos de volume como um sinal definitivo de uma reversão de preço iminente. No entanto, o alto volume de negociação também pode sinalizar a continuação de uma tendência atual. De fato, de acordo com um estudo do Journal of Finance, o alto volume de negociação é mais frequentemente associado à continuação da tendência atual do que a uma reversão.

Outro erro comum é falha em considerar o contexto de mercado mais amplo. Os indicadores de volume nunca devem ser usados ​​isoladamente. Eles são mais eficazes quando usados ​​em conjunto com outras ferramentas de análise técnica. Por exemplo, um aumento repentino no volume combinado com uma quebra de um padrão de consolidação pode ser um sinal de compra mais confiável.

Por último, traders muitas vezes caem na armadilha de excesso de confiança em indicadores de volume. Embora essas ferramentas possam fornecer informações valiosas, elas não devem ser a única base para decisões comerciais. Uma estratégia de negociação completa deve incorporar uma mistura de análise fundamental, análise técnica e técnicas de gerenciamento de risco.

Lembre-se, os indicadores de volume não são uma bola de cristal. Eles podem fornecer informações sobre o sentimento do mercado e possíveis movimentos de preços, mas não são infalíveis. TradeOs que entendem e navegam nessas armadilhas têm mais chances de sucesso no volátil mundo das negociações.

3.3. Estudos de caso de uso bem-sucedido do indicador de volume

Um exemplo notável de uso bem-sucedido do indicador de volume é visto no caso de Paul Tudor Jones, uma conhecida mercadoria trader. Na infame Black Monday de 1987, Jones usou indicadores de volume junto com a ação do preço para antecipar o crash do mercado. Ele conseguiu vender a descoberto no mercado de ações, o que levou a um retorno de três dígitos para seu fundo naquele ano.1.

Em outro caso, Richard Wyckoff, pioneira no campo da análise técnica, desenvolveu o Método Wyckoff. Este método depende fortemente de indicadores de volume para seus princípios. A abordagem de Wyckoff envolvia estudar a relação entre tendências de preço e volume e determinar possíveis quebras de preço. Seus métodos ainda são amplamente utilizados hoje e têm sido fundamentais para o sucesso de muitos traders2.

Por último, o No volume da balança (OBV), desenvolvido por Joe Granville, é um excelente exemplo de uso do indicador de volume. Essa ferramenta basicamente soma o volume nos dias de 'acima' e subtrai o volume nos dias de 'baixa'. Quando o OBV aumenta, isso mostra que os compradores estão dispostos a entrar e comprar a preços mais altos. Este foi um conceito revolucionário na época e desde então tem sido adotado por muitos traders. Por exemplo, o próprio Granville usou o OBV para prever corretamente o crash do mercado de ações de 1974.3.

1 – “Paul Tudor Jones: Ganhe seu primeiro bilhão de dólares usando os sistemas comprovados dos principais bilionários de fundos de hedge” por Stan Miller
2 – “Estudos em Tape Reading” de Richard Wyckoff
3 – “Nova estratégia de sincronismo diário do mercado de ações para lucro máximo” por Joseph E. Granville

❔ Perguntas frequentes

triângulo sm direito
O que são indicadores de volume na negociação?

Os indicadores de volume são fórmulas matemáticas que traders usam para interpretar o que é conhecido como 'volume'. Volume refere-se ao número de ações ou contratos traded em um título ou mercado durante um determinado período. Esses indicadores podem ajudar traders entendem a força de um movimento de preço, pois fornecem pistas sobre a tendência de um instrumento financeiro.

triângulo sm direito
Por que os indicadores de volume são importantes na negociação?

Os indicadores de volume fornecem informações sobre a força de um determinado movimento de preços, ajudando traders para identificar o potencial de uma tendência para continuar ou reverter. Altos níveis de volume costumam ser um sinal do início de uma nova tendência, enquanto baixos volumes podem indicar falta de confiança ou interesse na tendência.

triângulo sm direito
Quais são alguns indicadores de volume comumente usados?

Alguns dos indicadores de volume comumente usados ​​incluem On Balance Volume (OBV), Linha de Acumulação/Distribuição, Volume por Preço, Taxa de Mudança de Volume e Índice de Fluxo de Dinheiro (MFI). Cada um tem seu próprio método exclusivo de interpretar as informações de volume para ajudar traders tomar decisões informadas.

triângulo sm direito
Como posso usar indicadores de volume para melhorar minha estratégia de negociação?

Você pode usar indicadores de volume para confirmar tendências, detectar reversões e identificar oportunidades de compra e venda. Por exemplo, um aumento repentino no volume pode indicar um forte interesse do investidor que pode elevar o preço, enquanto uma queda no volume pode sinalizar que a tendência está prestes a se reverter.

triângulo sm direito
Os indicadores de volume são confiáveis?

Embora os indicadores de volume possam fornecer informações valiosas, eles não são infalíveis. É importante usá-los em conjunto com outras ferramentas e indicadores de análise técnica para melhorar sua confiabilidade. Além disso, a volatilidade do mercado, eventos de notícias e outros fatores também podem influenciar o volume, então traders deve sempre considerar o quadro geral.

Autor: Florian Fendt
Um investidor ambicioso e trader, Florian fundou BrokerCheck depois de estudar economia na universidade. Desde 2017 que partilha o seu conhecimento e paixão pelos mercados financeiros em BrokerCheck.
Leia mais sobre Florian Fendt
Florian-Fendt-Autor

Deixe um comentário

3 topo Brokers

Última atualização: 25 de julho de 2024

markets.com-logo-novo

Markets.com

4.6 de 5 estrelas (9 votos)
81.3% do varejo CFD contas perdem dinheiro

Vantage

4.6 de 5 estrelas (10 votos)
80% do varejo CFD contas perdem dinheiro

Plus500

4.5 de 5 estrelas (2 votos)
82% do varejo CFD contas perdem dinheiro

você pode gostar também

⭐ O que você achou deste artigo?

Você achou este artigo útil? Comente ou avalie se você tem algo a dizer sobre este artigo.

Obtenha sinais de negociação gratuitos
Nunca perca uma oportunidade novamente

Obtenha sinais de negociação gratuitos

Nossos favoritos em resumo

Selecionamos o topo brokers, em que você pode confiar.
InvestirXTB
4.4 de 5 estrelas (11 votos)
77% das contas de investidores de varejo perdem dinheiro ao negociar CFDs com este provedor.
TradeExness
4.5 de 5 estrelas (19 votos)
bitcoinCryptoAvaTrade
4.4 de 5 estrelas (10 votos)
71% das contas de investidores de varejo perdem dinheiro ao negociar CFDs com este provedor.

Filtros

Classificamos por classificação mais alta por padrão. Se você quiser ver outros brokerBasta selecioná-los no menu suspenso ou restringir sua pesquisa com mais filtros.
- controle deslizante
0 - 100
O que procura?
Brokers
Regulamento
Plataforma
Depósito / Retirada
Tipo de Conta
Localizacao
Broker Funcionalidades